segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

TRISTEZA (poema)


Alevilson da Silva Tavares¹
Ela gritou
A vela apagou
O povo sumiu
A escuridão caiu
Já ninguém riu
Quando ela gritou

Ela gritou
O povo chorou
O chão abalou
O vento calou
O mar secou
Quando ela gritou

Ela gritou
O pinto piou
O gato miou
O menino desmaiou
Quando ela gritou

Ela gritou
A sogra xingou
A garota apanhou
O atleta perdeu
O planeta enegreceu
Quando ela gritou

Ela gritou
 A rosa murchou
O peixe não nadou
O pássaro não cantou
O príncipe envelheceu
Quando ela gritou

Ela gritou
O rei não reinou
O presidente calou
A câmara fechou
O povo se apavorou
Quando ela gritou

Ela gritou
A professora não leu
O aluno não gostou
A diretora se complicou
A sala se desorganizou
Quando ela gritou

Ela gritou
Ninguém na praça apareceu
O padre não rezou
A faixa rasgou
A rua se esvaziou
Quando ela gritou

Ela gritou 
O avião atrasou
O ônibus esvaziou
O trem quebrou
O barco desmanchou
Quando ela gritou

Ela gritou
O médico não sentou
Já não analisou
O que foi que causou
Pois, seu filho adoeceu
Quando ela gritou

Ela gritou
O palhaço lamentou
O leão se apavorou
O macaco não pulou
O circo inteiro chorou
Quando ela gritou

Ela gritou
A torcida inteira não entendeu
O juiz não apitou
O jogador questionou
O jogo parou
Quando ela gritou

Ela gritou
A moça mão se apaixonou
O rapaz se perguntou
Porque acabou
Algo a desanimou
Quando ela gritou

Ela gritou
O pai não beijou
O filho que tanto amou
Só porque se chocou
Como tudo ficou
Quando ela gritou

Ela gritou
O cacique não ordenou
O índio não caçou
A tribo se questionou
Seu líder nada falou
Quando ela gritou

Ela gritou
O mar se avermelhou
A nuvem parou
O sol não esquentou
A lua não brilhou
Quando ela gritou

Ela gritou
A repórter não entrevistou
O agricultou não plantou
O cantor não cantou
O humorista a ninguém animou
Quando ela gritou

Ela gritou
O coral não ensaiou
A festa acabou
O jovem não agitou
A noite desanimou
Quando ela gritou

Ela gritou
O sono não chegou
A noiva não casou
O livro rasgou
O tapete se enrolou
Quando ela gritou

Ela gritou
O graduando não compareceu
O mestre nada explicou
O coordenador reclamou
A faculdade fechou
Quando ela gritou

Ela gritou
O sentimento, amor
Alguns problemas solucionou
Só a três ajudou
Mas, não o animou
Quando ela gritou

Ela gritou
O balão não subiu
O mágico caiu
O extintor explodiu
A chave caiu
Quando ela gritou

Ela gritou
O cinema não abriu
O bebe não riu
O pensador sentiu
Que sua mente adormeceu
Quando ela gritou

Ela gritou
Seu nome não falou
Muita gente lhe interreegou
Quem foi que proporcionou
O mundo se lamentou
Quando ela gritou

Ela gritou
A adição não somou
A multiplicação não multiplicou
O problema chegou
Nada avançou
Quando ela gritou

Ela gritou
O mudo falou
O cego olhou
O coxo andou
O povo se lastimou

Ela gritou
Tudo piorou
O homem se complicou
Nenhum filho sobrou
O cachorro enterrou
Quando ela gritou

Ela gritou
Opa! Algo mudou
Alguém apareceu
Foi a opositora que compareceu
E seu nome falou
Quando ela gritou

Ela gritou
Logo se revelou
Que só compareceu
Porque a TRISTEZA a chamou
A muita gente contagiou
Quando ela gritou

Ela gritou
O mundo acordou
Então, ele, planejou
Analisou, refletiu, verificou
Alguém a alegria não mostrou
Quando ela gritou

Outra vez que gritou
De nada adiantou
A ninguém contagiou
Porque a alegria contagiou
A todos com amor
E ela não mais gritou

Agora o menino sonhou
A noiva casou
O padre rezou
O pássaro cantou
O pinto piou
A alegria festejou

Agora o papel secou
A caneta funcionou
O poeta explorou
A natureza que o inspirou
O vento que soprou
A alegria festejou

O marinheiro navegou
A agricultou plantou
O músico tocou
A bailarina dançou
O palhaço o circo animou
A alegria festejou

A mulher engravidou
A rua se movimentou
O povo a praça frequentou
A escola se recuperou
O sol brilhou
A alegria festejou

Mas a vela só apagou
Pois alguém desvaneceu
A alegria compreendeu
E um espaço cedeu
Até a TRISTEZA se envaideceu
E, a ALEGRIA festejou.

__________________________________________  

¹ Diácono (Assembleia de Deus), Pedagogo, Biólogo, Bacharel em Teologia, Especialista em Educação Ambiental e professor na rede pública e particular de ensino nas modalidades:   fundamental e médio.